a-importancia-da-manutencao-preventiva-em-portoes-automaticos
Atendimento ao Cliente

A importância da manutenção preventiva em portões automáticos

Os portões automáticos trazem grandes vantagens para os moradores de casas e condomínios, pois eles reforçam a segurança e proteção do imóvel, proporcionando conforto e bem-estar para seus usuários. Porém, como todo equipamento, os portões automáticos precisam manutenção preventiva para que seu funcionamento se prolongue sem problemas.

Isso porque um portão automático com defeito pode colocar em risco a segurança do imóvel, trazendo vulnerabilidade para a residência.

Devido ao grande número de vezes em que os componentes eletrônicos do portão são acionados, a manutenção preventiva torna-se indispensável para assegurar o bom funcionamento do portão.

Vantagens da manutenção preventiva

A manutenção corretiva é aquela que corresponde a um chamado urgente quando o motor quebra, gerando transtornos aos moradores de imóveis e condomínios.

Já a manutenção preventiva é uma série de cuidados que visa garantir que o portão automático não quebre e continue funcionando perfeitamente a fim de evitar dores de cabeça e problemas futuros.

O recomendado é que pelo menos uma vez ao ano, o instalador seja acionado para checar o funcionamento e integridade das peças que compõem o portão automático.

Assim, caso seja necessário ele irá reparar ou trocar as peças que não estejam funcionando de forma adequada.

A necessidade de manutenção e ações corretivas não significa que a qualidade do portão é ruim, pois assim como qualquer outro modelo, os portões automáticos sofrem com os efeitos do tempo e corrosão natural. Principalmente, nos casos em que os componentes eletrônicos são acionados muitas vezes ao dia.

Além do mais, os portões automáticos estão expostos a imprevistos que podem comprometer seu funcionamento. Alguns dos contratempos que podem prejudicar o funcionamento dos portões são: pancadas ou colisões diretas, choques e descargas elétricas.

Esses imprevistos necessitam de reparo imediato para que a segurança dos moradores não seja colocada em risco. Sempre que o portão apresentar mau funcionamento ou ruídos diferentes, o ideal é que o técnico instalador visite o cliente para que faça os ajustes necessários.

Você está 100% qualificado para o trabalho?

Vale ressaltar que todo o conserto do portão automático deve ser realizado por um profissional qualificado e devidamente certificado, caso contrário, podem existir falhas na manutenção ou instalação desencadeando futuros problemas, além de colocar a segurança da residência em risco.

Acesse a aba EVENTOS do Clube do Instalador para obter treinamento em sua região.

Manutenção preventiva como forma de aumentar sua renda

A Garen recomenda que todo instalador mantenha uma Agenda de Instalação, e que após 1 ano, ele visite seu cliente, oferecendo uma manutenção preventiva.

Você instalador deve cobrar por essa visita, pois o equipamento está fora da garantia.

O morador ou cliente manterá seu equipamento em perfeito funcionamento, e você faz um ótimo pós-venda, conquistando ainda mais a fidelidade do seu cliente.

Ah, não esqueça de pedir indicações no momento da visita!

4 dicas para não ter problema com o portão automático

Para garantir o bom funcionamento do portão automático, é fundamental tomar alguns cuidados para evitar imprevistos com os acionadores eletrônicos.

Confira abaixo algumas dicas essenciais para a durabilidade do seu portão.

1.    Uso de automatizador correto para a quantidade de aberturas exigida

O portão automático proporciona muito conforto e tranquilidade para moradores de casas e condomínios. Na hora de especificar o automatizador de portão ideal se assegure de que o equipamento suporte o número de aberturas exigido.

Caso seja de uma casa, o automatizador deve suportar um fluxo baixo. Porém um condomínio exige a abertura e fechamento de um portão dezenas e até centenas de vezes ao dia. Um grande fluxo exigirá um equipamento mais robusto.

A Garen possui uma ampla linha de produtos próprio para cada tipo de uso. Veja todos os modelos em nosso catálogo de produtos.

2.    Manutenção preventiva pelo menos 1 vez ao ano

Como mencionado acima, a melhor maneira de prolongar a vida útil e bom funcionamento do portão eletrônico é através da manutenção preventiva.

Em prédios e condomínios, os responsáveis devem contratar pelo menos uma vez ao ano a visita de um técnico instalador para que o mesmo possa checar o funcionamento de todas as peças.

Você deve prestar uma mão de obra com qualidade e confiabilidade.

3.    Código de acesso

No caso de condomínios e prédios onde existe um grande fluxo de moradores, é indispensável trocar o código de acesso sempre que alguém perder o controle ou senha.

Também é importante que os inquilinos sejam instruídos a comunicarem a perda do controle de acesso o mais breve possível para os responsáveis do prédio, para que eles estejam atentos a possíveis entradas de pessoas estranhas.

4.    Limpeza

A limpeza é outro fator importante na hora de preservar o portão eletrônico. Isso porque a sujeira que se acumula nos portões e mecanismos eletrônicos pode prejudicar o funcionamento das peças.

É muito importante que regularmente seja realizada uma limpeza e lubrificação das peças de acionamento para assegurar a conservação dos mecanismos.

E você, instalador, o que achou das dicas sobre manutenção preventiva?

Deixe seus comentários abaixo e compartilhe esse conteúdo nas suas redes sociais.

Aproveite também para conhecer os produtos que a Garen oferece tanto para as residências como para as empresas.